top of page

HISTÓRIAS DE VIDA E LUGARES DE FALA: CURRÍCULO PRESCRITO E REAL NAS DISCIPLINAS DE LIBRAS

Temas de Ciências da Educação

Edson da Silva Rodrigues Lisboa
Luís Fernando Lopes
Marcia Maria Fernandes de Oliveira
Tania Rodrigues Lisboa

DOI: 10.46898/home.

c7b6708c-fd4d-42c8-9736-b7f50728e9f1

Sinopse

Apresenta-se, nesta pesquisa, alguns autores da comunidade surda como prováveis referências para outras minorias sociais no Brasil. Tem-se como problema um suposto distanciamento entre o currículo prescrito e o real, no que se refere à formação e aplicação da inclusão para as minorias sociais. Partiu-se da hipótese que, mesmo com desafios, há avanços no que concerne à inclusão dos surdos, em virtude das histórias de vida dos autores, as quais podem servir como parâmetro para outros grupos em possível estado de exclusão. Fundamenta-se no conceito de currículo de Sacristán (2000), de história de vida de Bertaux (2010) e de lugares de fala em Ribeiro (2017). O objetivo geral é divulgar à sociedade quem são os autores do currículo, que servem de referência para a inserção da comunidade surda na sociedade. Este estudo justifica-se por apresentar uma alternativa de inclusão curricular para grupos minoritários. A metodologia é qualitativa e exploratória e os resultados indicam que histórias de vida podem incentivar uma perspectiva decolonial e possíveis motivações para mudanças.

Data de submissão:

23 de maio de 2023 12:29:19

Data de publicação:

12 de dezembro de 2023 23:40:27

Gostou? Comente!
Avaliado com 0 de 5 estrelas.
Ainda sem avaliações

Add a rating
Compartilhe sua opiniãoSeja o primeiro a escrever um comentário.
bottom of page