top of page
Original.png

LINGUAGEM AUDIOVISUAL DO DOCUMENTÁRIO: O trabalho das Comitivas Pantaneiras a partir da experiência de uma peoa

Débora Alves Pereira Cabrita

ISBN: 978-65-85712-08-8

DOI: 10.46898/home.

3db7df50-1318-4a47-af77-80d47204a624

Sinopse

O estudo da linguagem audiovisual do documentário, usado aqui para retratar as comitivas, se justifica pela importância da atividade econômica desenvolvida pelos peões de comitivas no Pantanal. Uma realidade particular, tipicamente rural e que pode ser explicada pela dificuldade de acesso às fazendas e à escassez de estradas, tornando o trabalho imprescindível para a condução do gado de uma região para outra. Diferente do jornalismo, a estrutura narrativa do documentário exige uma lógica de início, meio e fim, sem a interlocução de um apresentador. Essa linguagem foi aplicada na elaboração de um roteiro de documentário sobre o trabalho das Comitivas Pantaneiras em Mato Grosso do Sul, tendo como destaque a história da peoa Mirele Geller, de 33 anos, que desde os 14 anos trabalha como peoa profissional.

Data de submissão:

27 de junho de 2023 21:43:29

Data de publicação:

22 de julho de 2023 11:17:58

Gostou? Comente!
Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Share Your ThoughtsBe the first to write a comment.
bottom of page