top of page

A IMPORTÂNCIA DAS PRÁTICAS INTEGRATIVAS NA SAÚDE PÚBLICA

Temas de Ciências da Saúde

Victor Guilherme Pereira da Silva Marques
Jacqueline Alves Borba de Oliveira Dettmer
Emanuel Osvaldo de Sousa
Andréa Márcia Soares da Silva
Tayane Moura Martins
Marks Passos Santos
Mariel Wágner Holanda Lima
Julio Henrique Rodrigues Gomes
Michelle Vanessa Pedroso de Figueiredo da Silva
Millena Raimunda Martins de Almeida Carvalho
Luisa Vitória de Sá Carneiro Souza

DOI: 10.46898/home.

f40a0044-dcfe-4fe6-b87e-3eaaa244a72a

Sinopse

Discutir por meio de evidências científicas a importância das práticas integrativas na saúde pública. Trata-se de uma revisão integrativa da literatura. A busca dos trabalhos envolvidos na pesquisa foi realizada nas seguintes bases de dados: SCIELO, LILACS, BDENF e MEDLINE, a partir dos descritores em ciências da saúde: “Atenção primária à saúde”, “Práticas integrativas e complementares” e “Saúde pública”. Os critérios de inclusão foram: publicados no período entre 2016 e 2023, cujo acesso ao periódico era livre aos textos completos, artigos em idioma português, inglês e espanhol e relacionados a temática. Critérios de exclusão foram: artigos duplicados, incompletos, resumos, resenhas, debates, artigos publicados em anais de eventos e indisponíveis na íntegra. A utilização dessas práticas visa uma complementação de tratamento ou a inserção de um modelo convencional no sistema único de saúde, seja por meio da redução de custos como também incentivar as ações de promoção da saúde. O presente estudo conclui-se que as práticas integrativas são bastante importantes para o fortalecimento do SUS, mas para que isso ocorra os profissionais de saúde precisam estar capacitados para que essas práticas possam ser implementadas na atenção primária.

Data de submissão:

29 de junho de 2023 01:32:56

Data de publicação:

12 de dezembro de 2023 23:40:27

Gostou? Comente!
Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Agrega una calificación
Share Your ThoughtsBe the first to write a comment.
bottom of page